(11) 4210-4317 / (21) 2507-1241 contato@qualitarh.com

Já leu centenas de dicas de como montar um currículo e mesmo assim continua sem ter resultados expressivos de convites para entrevista?

Já se pegou falando que a culpa do desemprego é a crise?

Ouve-se muito falar em crise e, ao mesmo tempo, lemos nos jornais que o número de contratações aumentou. Se há vagas, alguém será contratado, independentemente de terem muitos candidatos disponíveis. Aí eu te pergunto: já que estão contratando, por que o outro e não você?

A forma de procurar emprego mudou, e quanto mais rápido você entender isso, mais rápido conseguirá uma recolocação e sairá na frente dos seus concorrentes.

Farei uma analogia simples em relação a concurso público. Uma vez, fiz prova para o ensino médio militar, que foi realizada em um Maracanã lotado, para pouquíssimas vagas (qualquer semelhança não é mera coincidência). Dentre aquelas pessoas, sem titubear, digo que 70% estavam despreparadas, e eu era uma delas! Candidatos que não estudaram, candidatos que estavam ali só porque os pais queriam, pessoas que estavam fazendo aquela prova apenas para ganhar experiência etc (e de novo, qualquer semelhança não é mera coincidência).

Não sei se você já passou por isso, mas dá aquela pontinha de esperança de baixar uma luz divina, fechar os olhos e fazer a prova a La Chico Xavier e ser aprovado… Bom, comigo não aconteceu.

Depois disso, te pergunto: Se você não se preparar para buscar uma recolocação, por que você acha que será contratado? Contar apenas com a luz divina é muito arriscado, e muitas vezes o que parece uma boa oportunidade pode ser um sabotador!

Para concurso público, existem estratégias, instituições especializadas, investe-se pesado… e para conquistar um novo ou melhor emprego, algo que vai mudar toda a estrutura da sua vida, sua rotina, sua logística, seu meio de relacionamento e sua qualidade de vida, não é diferente.

Por que a maioria das pessoas permanece com a ideia de que conseguir o emprego dos sonhos é uma questão pura e simplesmente de sorte?

Não é sorte, e vou listar algumas dicas importantes!

Trabalho com recrutamento e seleção há mais de 14 anos e já vivenciei todo tipo situação e já passei por momentos diferentes do mercado.

– Tudo começa com a pergunta: pra onde quero ir? Pense qual tipo de empresa e área de atuação você quer se recolocar. Talvez o concorrente da sua antiga empresa ou empresas do mesmo segmento ou de segmento semelhante estejam interessados em te contratar!

– Se prepare mental e fisicamente para buscar uma recolocação! Sua ocupação principal é se recolocar. Tenha uma rotina como acordar cedo, vestir-se como se fosse trabalhar e se dedicar a fazer conexões estratégicas e a mapear o mercado com as empresas e segmentos que você tem interesse em atuar.

– Tenha atitude positiva! Sei que a sua situação é delicada, mas você tem 2 opções: pensar positivo ou pensar negativo. Eu sempre fico com a primeira opção, para tudo!

– Olhe para sua rede de relacionamento (TODAS) e veja se algum amigo trabalha ou trabalhou em alguma empresa que você mapeou. Pense nos amigos dos seus amigos.

– Tenha um currículo bem elaborado! Para isso, vou disponibilizar uma pesquisa recente que fiz com mais de 200 profissionais de RH, que fazem processo seletivo o dia todo, sobre qual o tipo de currículo mais atraente.

– Seja ativo no Linkedin, faça o verdadeiro networking! Seja interessante e jamais interesseiro.

– Esteja preparado para a entrevista! Treine no espelho, gravando no celular, peça para alguém simular uma entrevista ( o que for melhor para você), estude a ordem cronológica do seu histórico profissional. Valorize o que você fez nas empresas. Traga à memória coisas relevantes e resultados expressivos que conquistou na carreira.

– Responda as seguintes perguntas: o que eu faço, pra quem faço e como entrego? Além de te ajudar a montar o resumo profissional do seu currículo, vai te ajudar a descobrir no que você realmente é bom. Explore isso na entrevista!

– Para o dia da entrevista, a cereja do bolo, não existe dica! É preciso seguir esses passos e se preparar antes. Não tem mistério!

É preciso estar preparado. Não adianta desejar uma oportunidade de se mostrar e ter essa oportunidade sem o preparo suficiente.

Espero, com essas dicas, te ajudar não só a conseguir uma recolocação, mas uma EXCELENTE recolocação!


Hélio Carvalho

CEO – Qualitá RH